Irmãs Daniela e Natacha partilham a missão

“Estive enfermo e me visitastes.” Mateus 25, 36
As jovens Irmãs Daniela e Natacha trabalham no Hospital São Sebastião de Espumoso/RS. Fazem visitas diariamente aos pacientes com o intuito de escutá-los e confortá-los, fazendo deste momento uma pastoral da escuta.
A Palavra de Deus e os escritos de Santa Júlia motivam esta missão: “Estive enfermo e me visitastes.” Mt 25, 36; “Nas circunstâncias que estamos, o único que se pode fazer, é lançar a semente nas almas. O Senhor a fará germinar e produzir frutos. Quando a prouver a sua Divina Majestade.” Santa Júlia Billiart.
As irmãs Daniela e Natacha partilham sua experiência:
“Sentimos que este momento é o mais sensível que o ser humano se encontra. Por isso, visitar os pacientes é uma forma de demostrar a nossa atenção e carinho, lançando a semente como Santa Júlia nos fala.
Esta experiência de encontro com o próximo nos mostra a fragilidade humana, mas também o grande amor de Deus para com cada pessoa. Através das histórias de vida que muitas vezes os pacientes partilham, enriquecendo a nossa missão como Irmãs de Notre Dame.

Partilhando a missão!

Ir. Diana Fernandes, juniorista do 1º ano, escreve sobre sua missão: “Estou na Pastoral Escolar da Escola Notre Dame, Menino Jesus. Durante o tempo de quaresma, trabalhamos de forma on-line a Campanha da Fraternidade Ecumênica com o Ensino Fundamental, trazendo reflexões e desafiando os estudantes acerca da fraternidade, do diálogo e da paz na sociedade e no mundo. Diálogo na família, na escola, com as pessoas que pensam diferente de mim. A vida é uma grande ciranda em que somos convidados a acolher a todos, onde não tem primeiro, nem último, mas juntos. E agora nesta Semana Santa, em nossas casas, acompanhando os passos de Jesus preparando nossos corações para acolhê-Lo em nossa vida”.

No peito eu levo uma cruz

“No peito eu levo uma cruz, no meu coração o que disse Jesus”. Pe. Zezinho
Neste sábado Santo, dia 03 de abril de 2021, as Juvenistas participaram de um dia de reflexão e oração, na Casa Santa Cruz, orientadas por Ir. Inês Weber. Como conclusão deste dia, no momento celebrativo, as Juvenistas receberam a cruz desta etapa de formação pelas mãos de Ir. Ulda Mattje, coordenadora da equipe de formação. Seguem os depoimentos das jovens:

“Neste Caminho com Cristo, mais uma vez renovo o meu sim, para dar continuidade a minha caminhada na formação à Vida Religiosa Consagrada como futura irmã de Nossa Senhora! Afinal, aonde está o meu tesouro, lá estará meu coração!” Ângela Vanessa Sousa Santos

“Para mim, receber a cruz do Bom Pastor foi motivo de alegria e muita felicidade. Uma confirmação do meu sim ao Senhor para seguir a caminhada religiosa”. Elys Cristina Farias

“Paz e felicidade foi o que eu senti ao receber a cruz . Ao olhá-la vejo que essa é experiência mas bonita que eu já vivi e é o que me da certeza no meu SIM a Jesus Cristo.” Tauane Nascimento dos Santos

Nesta celebração rezou-se também pelos jovens, a fim de que continuem respondendo positivamente ao convite de Jesus que chama.

Ir. Lenice Rebelato, SND

Irmã Maria Luisa de Lucca defende seu Mestrado sobre Juventudes

      Consagrar a vida a Deus implica em servi-Lo na pessoa do irmão, da irmã. Para isto é preciso preparar-se para poder responder melhor à missão que nos é confiada, como Irmãs de Notre Dame. Neste sentido, temos a alegria de ver a caminhada de Ir. Luísa De Lucca que no dia 26/02/2021, fez a defesa de seu mestrado sobre Juventudes.

     Perguntando para Ir. Luisa, o que significou seus estudos, ela diz: “A pesquisa de mestrado foi um momento muito especial em minha vida, pois percebia o a necessidade de aprofundamento para melhor servir no acompanhamento às comunidades e, especialmente aos jovens. Após sete anos de assessoria a grupos de base da Pastoral da Juventude, na Diocese de Caxias do Maranhão, realizei esse estudo a partir de uma experiência que marcou profundamente a minha vida. Esse trabalhou buscou contemplar positivamente meu olhar sobre as juventudes, que são um lugar onde Deus se revela. Através dos saberes da experiência, organizados por meio de temas geradores, foi identificada a Teologia que os jovens foram produzindo ao longo dos encontros. O estudo aborda a opção da Igreja pelas juventudes, pois os jovens são um lugar teológico da manifestação de Deus, como agentes de evangelização para transformação da Igreja e sociedade”.

      Que toda ciência esteja a serviço da vida, conforme o desejo de Deus.

       Ir. Lenice Rebelato – SND

 

Jovens professam primeiros votos na Congregação das Irmãs de Notre Dame

          Em 02 de fevereiro, celebra-se o Dia da Vida Consagrada: uma data significativa para quem dedica sua vida à missão evangelizadora. Tal propósito inspirou as jovens Ir. Maria Diana Fernandes Pinheiro, Ir. Maria Thais da Silva Barbosa e Ir. Maria Natacha de Oliveira Silva, provenientes do Maranhão e do Acre, que, na terça-feira (02), professaram seus primeiros votos como religiosas consagradas Notre Dame.

       Após a conclusão da etapa formativa, chamada Noviciado, e do retiro espiritual de uma semana, elas pediram publicamente para ingressar na Congregação das Irmãs de Notre Dame. A celebração – realizada na Capela da Casa Santa Cruz, em Passo Fundo – foi transmitida através da internet, oportunizando que as famílias e as demais Irmãs prestigiassem a cerimônia. Presidida pelo padre Paulo Rodrigues dos Santos, a missa evidenciou a emoção, o desafio e a alegria inerente à nova etapa iniciada pelas religiosas.

           Em sua acolhida às três jovens Irmãs, a superiora provincial da Província da Santa Cruz, Ir. Dirce Slaviero – em nome da superiora geral, Ir. Mary Kristin -, enfatizou o carinho com que as recebia, assumindo junto o compromisso de viver a dimensão profética da Vida Consagrada Religiosa, bem como o carisma e a espiritualidade Notre Dame. “Queridas Irmãs, a resposta generosa ao chamado de Deus e sua decisão de buscar a Congregação das Irmãs de Nossa Senhora para concretizar o seguimento de Jesus Cristo, são motivos de alegria e de festa para a Igreja e para toda a Congregação. Sejam bem-vindas!”, exclamou a superiora.

        O pedido foi seguido da profissão dos votos temporários de pobreza, castidade e obediência. Por fim, como símbolo da união e do compromisso no serviço da evangelização e missão, as Irmãs Maria Diana, Maria Thais e Maria Natacha receberam a aliança congregacional.

          Além do ingresso das novas Irmãs na Congregação de Nossa Senhora, as junioristas Ir. Mariana Mario Recai, Ir. Maria Carine Alba Benachio e Ir. Maria Ismara Libardi Rocha renovaram sua consagração. Após o almoço festivo, cada Irmã seguiu para sua nova comunidade, onde atuará na missão a ela confiada.

http://portal.notredame.org.br/jovens-professam-primeiros-votos-na-congregacao-das-irmas-de-notre-dame/

Irmã Diva Jacoby – Vida Missionária

Quando Deus nos chama para abraçar a vida missionária, às vezes entendemos que temos algo para dar, para ensinar aos nossos irmãos que vivem em terras longínquas. E assim aconteceu comigo! Ao longo destes 5 anos de missão em Moçambique, percebi que, na verdade, sou eu que recebi e aprendi muito!

E hoje sinto que Deus continua me chamando para segui-lo de uma maneira nova e diferente do que eu pensava antes de estar vivendo aqui.

Descubro o poder de Deus na força do povo unido em oração.

Descubro a ternura de Deus no sorriso das crianças da vizinhança e da escola onde trabalho.

Descubro a ação de Deus na simplicidade e na sabedoria do povo mais simples.

Descubro a graça de Deus no trabalho junto às demais Irmãs da minha comunidade religiosa.

A messe é grande, mas os trabalhadores são poucos!

Me sinto imensamente grata a Deus por querer contar comigo para levar Sua Palavra e ajudar a construir seu Reino.

Na formação de professores e das crianças na escola, e também na formação das jovens que estão se preparando para assumir a missão de Jesus como Irmãs de Notre Dame.

E tenho a certeza e a fé de que o Senhor vai continuar a me dar a Sua força, a mim e a todos os missionários, os que permanecem junto do seu próprio povo ou que partem para uma terra distante.

Irmã Diva Jacoby

Jovens ingressam no noviciado

As jovens Aline, Daniela e Vânia, impulsionadas pelo amor de Deus, decidiram responder com coragem a proposta de Jesus Cristo, ingressaram no noviciado no dia 02/02/2020, na Congregação das Irmãs de Notre Dame, em Passo Fundo, RS. Elas, escolheram um lema para sua vida:

  • Aline Aparecida Moreira da Silva, natural de Lages – SC. Lema para sua caminhada:  “Seduzistes-me, Senhor, e eu me deixei seduzir”. Jeremias 20, 7
  • Daniela Ribeiro Manica, natural de Nova Santa Rita – RS. Lema para sua caminhada: “Não temais, pois estou contigo. Eu te fortaleço e venho a teu socorro”. Cf Isaías 41, 10
  • Vania Da Conceição Dias, natural de Duque de Caxias – Rio de Janeiro. Lema para sua caminhada: “Porque aquele que quiser salvar a sua vida, irá perdê-la, mas aquele que perder a sua vida por amor de mim e do Evangelho, irá salvá-la”. Marcos 8, 35

Para a Congregação,  é uma alegria receber novos membros que desejam partilhar o modo de vida das Irmãs de Nossa Senhora. Elas expressaram sua motivação para este passo em suas vidas:

“Motivadas pela bondade e misericórdia de Deus, e cativadas pela missão e pelo carisma da Congregação de Notre Dame que vem de Santa Júlia Billiart, da nossa fundadora Irmã Maria Aloysia e das primeiras Irmãs de Cosfeld, desejamos aprender o modo de vida das Irmãs de Nossa Senhora – Notre Dame. Queremos seguir os passos de Jesus Cristo, aprofundando a espiritualidade encarnada e servindo com alegria o povo de Deus conforme o Espírito das Constituições”.

 

E você, querida Jovem! Deseja conhecer a vida e a missão das Irmãs de Notre Dame? Entre em contato: (54) 99975 – 9651. Teremos muita alegria em acompanhá-la no seu processo vocacional.

 

Ir. Lenice Rebelato

Serviço de Animação Vocacional Notre Dame

Irmãs de Notre Dame celebram Jubileu de Vida Religiosa Consagrada

Esta sexta-feira (10) foi marcada por uma simples e significativa celebração, pois Irmãs de Notre Dame, que atuam em todo o Brasil, reuniram-se na capela do Colégio Notre Dame Passo Fundo, onde celebraram o jubileu de Vida Religiosa Consagrada.

Reunindo cerca de 100 Irmãs, a cerimônia eucarística rendeu graças pela vida e pela obra das 23 religiosas que, neste ano, celebram 25, 50, 60, 65, 70 e 75 anos de Vida Religiosa Consagrada.

Mesmo que nem todas as jubilantes pudessem estar presentes,  devido à idade avançada ou a limitações físicas, o olhar cintilante daquelas que, ali, festejavam foi enaltecido pelo celebrante, Padre Edson Castro. “Quando o olho brilha, é porque o coração está em chamas, ardente pela Missão. Obrigado pelo exemplo de perseverança e dedicação”, agradeceu em sua homilia.

Após a missa, as diferentes comunidades religiosas das quais elas são oriundas prestaram homenagens, no auditório escolar, às jubilantes. Além disso, a superiora da Província da Santa Cruz, Irmã Araci Maria Ludwig, exaltou a alegria e o significado desta celebração. “Em meu nome e em nome da Congregação das Irmãs de Notre Dame, cumprimento a cada uma nesta data singular. Agradeço pela vida! E pelo testemunho e pela missão exercida durante seus anos de Vida Religiosa Consagrada Notre Dame. A sua doação, os seus sofrimentos, as suas lutas, as suas buscas e as suas contribuições para o desenvolvimento da Missão no Brasil fizeram grande esta história e herança que, ao recebê-las, temos a responsabilidade de continuar, numa fidelidade criativa”, afirmou.

Irmã Dirce Slaviero – que assumiria, em algumas horas, como  superiora Provincial – também destacou a alegria e a gratidão pela pertença e pela perseverança das Irmãs.

Por fim, um almoço festivo representou um momento de partilha e confraternização entre as religiosas que, por longos anos, conviveram em diferentes comunidades, tornando-se uma oportunidade para conviver e fortalecer os laços em torno da Missão Notre Dame.

 

http://portal.notredame.org.br/irmas-de-notre-dame-celebram-jubileu-de-vida-religiosa-consagrada/

 

Postulantes partilham a experiência missionária

Para reavivar a consciência batismal do Povo de Deus em relação a missão da Igreja, o Papa Francisco escolheu para o Mês Missionário Extraordinário o tema “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo”.

A paróquia São Judas Tadeu por sua vez correspondeu a convocação do Papa Francisco, através da organização em âmbito Paroquial. Iniciada em 10 de agosto com a formação missionária, seguindo com as visitas e oração nas famílias das 13 comunidades, culminado com a celebração Eucarística.

Uma das formas de vivenciar bem este período as Postulantes das Irmãs de Notre Dame fizeram parte da Equipe missionária levando a mensagem de Jesus. Foi um tempo de graça e de novas experiências, sendo igreja em saída, onde Cristo deva ser anunciado e amado.

 “Somos batizados em nome de Deus; somos seus discípulos; somos missionários enviados a pregar o Evangelho”.

Depoimentos:

Participar das missões, respondendo ao Mês Missionária Extraordinário, na Paróquia São Judas foi uma experiência riquíssima. Conhecer as diferentes realidades das comunidades tanto as do interior como urbana, reflete o rosto de Deus. Em muitas das casas visitadas as dificuldades financeiras eram visíveis, mas a riqueza da fé expressa o amor e a bondade de Deus.  – Postulante Aline

A experiência da missão nestes dois meses foi enriquecedora. A oportunidade de realizar a missão tornou-se um momento de graça com as famílias da comunidade. A evangelização que realizei nestas semanas fortaleceu a minha caminhada vocacional. O que mais me chamou a atenção foi a animação dos grupos das comunidades que nos esperavam para a missão. Também podemos sentir os desafios sociais e religiosos que as famílias enfrentam no seu cotidiano. – Postulante Daniela

Durante o Mês Missionário Extraordinário através de cada família que visitei fiquei muito entusiasmada com o “ir” ao encontro do outro levando a Palavra de Deus e partilhando experiências. Recordando sempre o chamado dos primeiros discípulos, que corajosamente, se colocavam a caminho levando esperança. Desse modo a experiência missionária fortaleceu meu chamado vocacional de proclamar a bondade de Deus como discípula missionária Notre Dame! – Postulante Vânia

 

Coragem, Ele te chama!

A semana vocacional inspirou atividades durante todo o mês de agosto no Colégio Notre Dame Rainha dos Apóstolos. Foram realizadas ações com os jovens e adolescentes, buscando compreender as diversas vocações pelas quais o Senhor nos chama, nos ama e nos envia. O objetivo primeiro das atividades que cercaram o projeto foi focar a Promoção da Vocação à vida Religiosa e a vida dos irmãos consagrados.

A 3ª série do EM iniciou as tarefas sobre as vocações assistindo o DVD de Santo Aníbal, um jovem que, ao ver a realidade social de seu país, se apaixona e segue o jovem de Nazaré na vida sacerdotal para fazer o mesmo que Jesus fez. Após apreciarem o filme, os estudantes receberam como desafio relacionar as atitudes de Aníbal junto ao povo sofredor com as necessidades e desafios do mundo moderno. Muitos se emocionaram ao perceber que ainda hoje a missão continua a mesma e que temos muitas pessoas que precisam de nós.

O trabalho da 2ª série do Ensino Médio foi a partir da motivação do SERVIR a Deus por meio do “sim” cotidiano, tendo como exemplo as pessoas consagradas. Num espaço aberto o grupo cantou, rezou e expressou as suas opiniões através de cartazes com frases relativas à entrega de cada vocação, respondendo o seguinte questionamento: Como vocês veem o trabalho das Irmãs do Colégio

Notre Dame Rainha dos Apóstolos e dos Irmãos consagrados?
Dentre as respostas, os educandos destacaram que para eles as Irmãs de Notre Dame “ajudam o próximo, fazem o bem, não casam, rezam, ensinam, falam de deus, amor ao próximo, paciência, vivem a palavra de deus, vão à capela, dão catequese, têm paciência, vão para as missões como a Ir. Eliana”.

Já com os estudantes da 1ª série do Ensino Médio a provocação vocacional girou em torno do tema do CHAMADO e da caminhada que todos temos que fazer na vida, considerando ser necessário dar os primeiros passos, com a certeza de que o caminho será realizado gradualmente e a cada resposta afirmativa à vocação que Deus semeou em nossos corações.
Como culminância, os jovens foram desafiados a participar do encontro com os jovens do Departamento Social Santa Júlia Billiart. Lá, os jovens tiveram a oportunidade de partilhar a experiência de como estão descobrindo sua vocação. Houve, ainda, muito interesse em saber como é a vida religiosa das Irmãs. No final da atividade, a Ir. Lurdes Stefanello respondeu perguntas como: Quem pode ser Irmã? Precisam estudar muito? Elas podem viver somente numa cidade? Podem casar? Todas as Irmãs aceitam ir para outros países?

Houve outro grande momento no Colégio para celebrar a Semana Vocacional, onde os estudantes do Ensino Médio e 9º ano homenagearam as Irmãs da Comunidade Notre Dame Rainha dos Apóstolos cantando o canto: Eis-me aqui, Senhor. O aluno Rafael Pires, do 9º ano A, em nome de todos saudou as Irmãs com esta mensagem:
“A Vida Religiosa é um dom que poucos conseguem assumir, pois para isso o religioso deve abdicar-se para cuidar do próximo; é dizer sim à humanidade e ser servo de Deus espalhados pelo mundo; é amar o próximo e fazer isso sem distinção; é acolher; é ensinar; é alimentar.

Muitas vezes poder ser um caminho tortuoso a seguir, cheio de imprevistos, mas é isso que torna essa vocação tão bonita porque se mostra disposta a ajudar os outros antes de si, não importando o lugar a qual será designada, a servir e fará isso com fé e semeará a esperança por onde passar. E antes de mais nada, é um compromisso não só para com a Igreja, mas com a vida.
Em nome dos estudantes e da Juventude Notre Dame, gostaríamos de homenagear estas mulheres fortes, valorosas e empreendedoras que, em nome de Deus e da Congregação Notre Dame vivem para servir.

Muito obrigado pelo exemplo de vida e dedicação que vocês são para a nossa comunidade. Que nunca falte na vida de cada uma muito amor e esperança, assim como deve ser este cristal luminoso que carrega água pura e repleto de vida”.

Por fim, no dia 17/08, domingo da vocação à Vida Religiosa, as Irmãs da Comunidade Notre Dame Rainha dos Apóstolos deram seu testemunho na missa das 8h e das 10h na Paróquia Rainha dos Apóstolos, contando um pouco da trajetória e inspiração das Irmãs de Notre Dame:
‘A vida religiosa é um desafio para homens e mulheres de fé insondável e de coração misericordioso. Houve o clamor do povo e se colocam a caminho a pedido do mestre. “Ide também vós trabalhar na minha vinha”. A congregação Notre Dame após a 1ª guerra mundial, surge da coragem de uma jovem apaixonada em revelar a bondade do bom Deus, de coração ardoroso e de uma fé inquebrantável, vê a situação do povo juntamente com outras amigas e aceitam o convite do mestre: “Venha também vós trabalhar na minha vinha”. Do seu sim, hoje estamos presentes nos 5 continentes ’